domingo, 28 de dezembro de 2014

Torta de Açúcar Amarelo ou Torta de Canela

Na minha infância e adolescência, a minha torta preferida era uma torta que a minha mãe fazia e que dava o nome de Torta Verde.
Esta torta tinha este nome não por razões clubísticas, mas sim porque um dos seus ingredientes eram 500g de açúcar amarelo (que eu chamo de escuro), o que dava à deliciosa torta, uma cor esverdeada. 
Um dia destes, resolvi procurar pela net a famosa receita da Torta Verde, que não encontrei. Encontrei sim uma imitação, porque não é bem a mesma coisa, mas dá para matar saudades e essa torta tem o nome em alguns sítios de Torta de Açúcar Amarelo e noutros de, Torta de Canela. Quem não é grande fã de canela, não se assuste porque a quantidade utilizada é pequena e ajuda a travar um bocadinho o excesso de doce do açúcar.

A receita é a seguinte:

Ingredientes:

7 ovos
300g de açúcar amarelo
50g de margarina derretida 
1 colher de chá de canela
Modo de preparação:

Num recipiente misturar muito bem todos os ingredientes.
Levar ao forno num tabuleiro untado e forrado com papel vegetal a 180ºC, não mais que 15 minutos. Quando estiver cozida desenformar para cima de um pano polvilhado com açúcar e canela e depois enrolar.
Atenção que, a torta não deve estar muito tempo no forno, uma vez que fica cozida de mais e depois não fica enqueijada.



Experimentem e depois digam-me se não é óptima.

quinta-feira, 25 de dezembro de 2014

A música do Blog

Espero que o vosso Natal, esteja a ser sensacional! :)
Deixo-vos uma música de Natal diferente do habitual, mas que de certeza vos vai fazer sorrir neste fim de tarde natalício.

Beijinhos para todos!

sexta-feira, 21 de novembro de 2014

E quem não gosta de um bom licor? - Parceria Chocolicor

Recebi estes miminhos por parte da Chocolicor, um Licor de Frutos Silvestres, um Licor de Amora e um Licor de Ginja, que posso dizer-vos que são uma delícia, tal como todos os outro licores produzidos por esta empresa portuguesa.


Para quem ainda não conhece, a Chocolicor é uma empresa familiar, localizada nas Caldas da Rainha, que produz uma vasta gama de licores de forma artesanal. Para além dos licores tradicionais e da ginja, apresentam também algumas receitas inovadoras, mas de grande qualidade também. 

Podem consultar e comprar aqui, todos os licores produzidos pela Chocolicor. 

Agora que estamos a aproximarmo-nos da época natalícia, aqui fica uma boa ideia para alguns dos presentes que tenham para oferecer, ;), de certeza que todos vão gostar de os receber.

Feira Portugal Agro, na FIL

Começou ontem e decorre até dia 23 de Novembro na FIL, uma feira em que a produção nacional, para os sectores agrícola e agro-alimentar está em destaque, "O PORTUGAL AGRO"
Esta feira tem um leque de actividades bastante diversificada, desde provas, concursos, workshops, entre outras. Aqui podes consultar o programa completo e ver quais as actividades que mais te interessam.


As entradas têm os seguintes preços:

Bilhete individual: 5 €
Cartão Jovem | Estudante | Sénior > 65 anos: 2,50€
*Crianças até os 10 anos entrada gratuita


Mas quem estiver interessado em ir, pode sempre aproveitar esta promoção de oferta de um bilhete de adulto aqui. ;)







Vamos apoiar os excelentes produtos que temos no nosso País!

quinta-feira, 20 de novembro de 2014

*** CARTA ÀS MÃES MAIS QUE PERFEITAS ***

Não resisti em partilhar com vocês este texto, que na minha opinião reflete bem o que é ser mãe. 
Acredito que muitas de vocês se revejam em algumas das situações que aqui estão escritas, verdade?

Querida Mãe:
Eu já te vi por aí.
Eu vi-te a gritar com os teus filhos em público, vi-te a ignorá-los no parque, vi-te a levá-los à escola antes de teres tomado banho, e de calças de pijama por baixo do casaco.
Eu vi-te a implorares aos teus filhos, vi-te a suborná-los, e a ameaça-los.
Eu vi-te a gritar feita louca com o teu marido, com a tua mãe, e com o agente de polícia no cruzamento da escola.

Eu já te vi a correr com os miúdos de um lado para o outro, a sujares-te no parque e a praguejares em voz alta depois de bateres com o joelho na esquina da cadeira.
Eu vi-te a partilhares um leite achocolatado com um maníaco de 4 anos. Vi-te a limpar o nariz dos teus filhos com os dedos e a limpa-los na parte de trás das calças de ganga. Vi-te a correr com o teu bebé de 2 anos pendurado na dobra do teu braço, para apanhares a bola que está a fugir para a estrada.

Eu já te vi a ranger os dentes enquanto o teu filho gritava contigo porque não queria ir à aula de piano, à natação, ou ao treino de futebol. Eu vi-te a fechar os olhos e a respirar fundo depois de entornarem um copo de leite inteiro em cima. Vi-te a chorar desesperada enquanto tentavas tirar lápis de cera da tua melhor mala.
Eu já te vi na sala de espera do hospital. Eu vi-te no balcão da farmácia. Vi-te com o teu olhar cansado e assustado.
Eu não sei se tinhas planeado ser mãe ou não.
Se soubeste desde sempre que querias pôr crianças neste mundo, cuidar deles, ou se a maternidade te apareceu de surpresa.
Não sei se correspondeu às tuas expetativas, ou se passaste os primeiros tempos como mãe aterrorizada porque tinhas imaginado que sentirias o “amor materno” doutra forma.
Não sei se tiveste dificuldade em engravidar, se perdeste algum bebé, ou se tiveste algum parto traumático.
Nem sequer sei, se concebeste o teu filho no teu ventre, ou se o acolheste na tua família.
Mas eu conheço-te.
Eu sei que não alcançaste tudo o que querias na vida. Sei que há coisas que nunca soubeste que querias até teres filhos.
Eu sei que, às vezes, pensas que não estás a dar o teu máximo e que podias fazer melhor.
Eu sei que olhas para os teus filhos e te revês neles.
Eu sei que às vezes apetece-te atirar um candeeiro ao teu filho adolescente, e atirar o de 3 anos pela janela.
Eu sei que há noites que, depois de deitar os miúdos, estás tão exausta que só te apetece enrolares-te na cama a chorar.
Eu sei que há dias tão difíceis que só queres que acabem depressa. Depois, na hora de ir para a cama os teus filhos abraçam-te e enchem-te de beijinhos, e dizem o quanto gostam de ti, e de repente querias que o dia durasse para sempre.
Mas nada dura para sempre.
Os dias terminam, e o dia a seguir é um novo desafio. Febres, desgostos amorosos, trabalhos da escola, novos amigos, novos animais de estimação e novas dúvidas. E todos os dias, fazes o que tens de fazer.
Vais trabalhar, ou ficas em casa pões o bebé no sling e ligas o aspirador. Ou vais até ao jardim passear com ele.
Largas tudo para moderar uma discussão sobre de quem é a vez de usar aquelas canetas especiais, para dar um beijinho ao óó da tua filha, ou para conversar sobre qual é a cor do batom que a mãe do Pinóquio usava.
Eu sei que fazes guerras de cocegas em castelos de lençóis, e que sabes de cor as histórias de, pelo menos, 8 livros ilustrados. Eu sei que danças de forma ridícula quando vocês estão sozinhos. E que inventam canções parvas sobre queijo, maus cheiros, ou ervilhas.
Eu sei que uma hora depois de deitares os teus filhos, largas o que estás a fazer e vais cortar as unhas do mais novo. Sei que paras de arrumar a cozinha, porque a tua filha te convidou para a festa de chá que está a fazer com as bonecas, e faz questão que lá estejas.
Eu sei o que custou tratares dos teus filhos quando tiveste aquela virose de 4 dias. Sei que comes os restos dos pratos deles, enquanto arrumas a cozinha.
Eu sei que não contavas com muitas destas coisas. Sei que não antecipaste amar alguém tão intensamente, ou andar tão cansada, ou ser a mãe em que te vieste a tornar.
Pensavas que tinhas tudo planeado. Ou então, estavas perdida e aterrorizada. Ias contratar a Nanny perfeita. Ou ias deixar de trabalhar e aprender tudo sobre crianças.
Sei que não és a mãe perfeita. Por mais que tentes, e por mais que te esforces. Tu nunca serás a mãe perfeita.
E isso, provavelmente, vai perseguir-te. Ou se calhar fizeste as pazes com isso. Ou talvez nem nunca tenha sido um problema.
Eu sei que acreditas que independentemente do que fizeres, poderias ter feito sempre mais.
A realidade é outra.
Não interessa o pouco que fizeste, no fim do dia os teus filhos vão sempre amar-te. Vão continuar a rir para ti, e acreditar que tens poderes mágicos que podes curar quaisquer coisas.
Independentemente do que acontecer no trabalho, na escola, ou num grupo de amigos, tu fazes, sempre, tudo o que está e não está ao teu alcance para garantir que no dia a seguir os teus filhos estarão tão felizes, saudáveis e espertos quanto é possível.
Há um velho ditado iídiche que diz: “Há um filho perfeito no mundo, e todas as mães o têm.”
Feliz ou infelizmente, não há pais perfeitos. Os teus filhos vão crescer determinados a ser diferentes de ti. Vão crescer com a certeza de que não vão pôr os seus filhos nas aulas de piano, de que vão ser mais brandos, ou mais rigorosos, ou ter mais filhos, ou ter menos, ou não ter nenhum.
Um dia os teus filhos vão estar a correr como loucos na igreja, a portar-se pessimamente no restaurante a fazer caretas para o lado, e alguém vai passar e elogiar a tua família.
Uma certeza podes ter: não és perfeita!
E isso é bom. Porque na realidade, nem os teus filhos são perfeitos. E ninguém no mundo se preocupa mais com eles do que tu, ninguém sabe porque é que eles estão a chorar senão tu, ninguém percebe as piadas deles melhor do que tu.
E já que ninguém é perfeito, tens de desempatar com 2 biliões de pessoas que estão em primeiro lugar “ex aequo” para concorrer à melhor mãe do mundo.
Parabéns melhor Mãe do Mundo. Tu não és perfeita. És mais que perfeita:
És tão boa mãe como o resto do mundo.
por Lea Grover em Becoming a super mommy
adaptado por Up To Lisbon Kids




segunda-feira, 17 de novembro de 2014

A música do Blog

E 30 anos depois, eis que surge uma nova versão de uma música que se costuma ouvir nesta altura de próximidade do Natal, "Do They Know It's Christmas?".

Esta foi uma música lançada em 1984, em que um grupo de artistas se juntou com o nome de Band Aid, com a finalidade de angariarem fundos, para o combate da fome em África. Existiram outras versões em 1989 e 2004, com o mesmo intuito de angariar fundos, mas nenhuma fez tanto sucesso como a primeira.

Hoje partilho com vocês a versão de 1984 e a de 2014.





Eu depois de ter ouvido a nova versão, continuo a preferir a primeira.
E vocês, qual das versões é a vossa preferida?

E quando uma pseudo-escritora, ofende uma grande parte das mulheres???

Corria o ano de 2010, o ano que eu estava "imensamente" gorda de grávida e recordo-me de existir alguma polémica em torno de uma crónica publicada no jornal Sol, de uma "senhora" que, segundo consta é escritora. 
Esta senhora embora publique livros, é mais conhecida pelos seus namorados jovens e a sua falta de respeito para com as pessoas. Esta falta de respeito está repleta em diversas crónicas que escreve e em tempo de antena, em que lhe dão a possíbilidade de comentar assuntos da actualidade. Ora esta falta de respeito é dirigida aos portugueses em geral, "aos parolos do interior que alugam um T-0 em Alfubeira e fazem tudo o que puderem para entrar nos lugares da moda", "às Gordinhas", entre outros alvos, que vindo de uma pessoa tão "bem", fica-lhe bastante mal. 

Hoje ao ler um post num blog sobre o que esta pseudo-escritora acha das gordinhas, resolvi também partilhar a dita crónica convosco e deixar-vos opinar sobre o tema. 


As gordinhas e as outras


“Serve esta crónica para retratar e comentar um certo elemento que existe frequentemente em grupos masculinos e que responde pelo nome genérico de ‘Gordinha’

A Gordinha é aquela amigalhaça companheirona que desde o liceu cultivava o estilo maria-rapaz, era espertalhona e bem-disposta, cheia de energia e de ideias, sempre pronta para dizer asneiras e alinhar com a malta em programas. Ora acontece que a Gordinha é geralmente gorda e sem formas, tornando-se aos olhos masculinos pouco apetecível, a não ser em noites longas regadas a mais de sete vodkas, nas quais o desespero comanda o sistema hormonal, transformando qualquer bisonte numa mulher sexy, mesmo que seja uma peixeira com bigode do Mercado da Ribeira.

A Gordinha é porreira, é fixe, é divertida, quer sempre ir a todo o lado e está sempre bem-disposta, portanto a Gordinha torna-se uma espécie de mascote do grupo que todos protegem, porque, no fundo, todos têm um bocado de pena dela e alguns até uma grande dose de remorsos por já se terem metido com a mesma nas supracitadas funestas circunstâncias. E é assim que a Gordinha acaba por se tornar muito popular, até porque, como quase nunca consegue arranjar namorado, está sempre muito disponível para os mais variados programas, nem que seja ir comer um bife à Portugália e depois ao cinema.

À partida, não tenho nada contra as Gordinhas, mas irrita-me que gozem de um estatuto especial entre os homens. Às Gordinhas tudo é permitido: podem dizer palavrões, falar de sexo à mesa, apanhar grandes bebedeiras e consumir outras substâncias igualmente propícias a estados de euforia, podem inclusive fazer chichi de pernas abertas num beco do Bairro Alto porque como são ‘do grupo’ toda a gente acha muita graça e ninguém condena.

Agora vamos lá ver o que acontece se uma miúda gira faz alguma dessas coisas sem que surja logo um inquisidor de serviço a apontar o dedo para lhe chamar leviana, ordinária, desavergonhada e até mesmo porca. Uma miúda gira não tem direito a esse tipo de comportamentos porque não é one of the guys: é uma mulher e, consequentemente, deve comportar-se como tal. E o que mais me irrita é quando as Gordinhas apontam também elas o dedo às giras, quando estas se comportam de forma semelhante a elas.

Ser gira dá trabalho e requer alguma diplomacia. Que o digam as minhas amigas mais bonitas e boazonas que foram vendo a sua reputação ser sistematicamente denegrida por dois tipos de pessoas: os tipos que nunca as conseguiram levar para a cama e as gordas que teriam gostado de ter sido levadas para a cama por esses ou por outros. Uma mulher gira não pode falar alto nem dizer palavrões que lhe caem logo em cima. Já uma Gordinha pode dizer e fazer tudo o que lhe passar pela cabeça, porque conquistou um inexplicável estatuto de impunidade.

Porquê? Porque não é vista como uma mulher? Porque todos têm pena dela? E, já agora, porque é que quando uma mulher está/é gorda nunca ninguém lhe diz, mas quando está/é magra, ninguém se coíbe de comentar: «Estás tão magra!?»

Como dizia a Wallis Simpson: «Never too rich, never too slim». E quanto às Gordinhas, o melhor é arranjarem um namorado. Ou uma dieta. Ou as duas coisas.” 
Crónica de Margarida Rebelo Pinto

O que acham desta crónica? Partilhem a vossa opinião.

terça-feira, 11 de novembro de 2014

A Lenda de São Martinho

Hoje comemora-se o Dia de São Martinho, dia de comer castanhas e provar o vinho.
Actualmente muitas pessoas não sabem ou não se lembram, qual a lenda que está por trás deste dia, por isso resolvi partilhar, a lenda e desta forma podem conta-la aos vossos filhos, amigos, família, ou a qualquer pessoa que comemore convosco este dia. :)

Lenda de São Martinho: 

Martinho era um valente soldado romano que estava a regressar da Itália para a sua terra, algures em França. 


Montado no seu cavalo estava a passar num caminho para atravessar uma serra muito alta, chamada Alpes, e, lá no alto, fazia muito, muito frio, vento e mau tempo. 

Martinho estava agasalhado normalmente para a época: tinha uma capa vermelha, que os soldados romanos normalmente usavam. 

De repente, aparece-lhe um homem muito pobre, vestido de roupas já velhas e rotas, cheio de frio que lhe pediu esmola. 


Infelizmente, Martinho não tinha nada para lhe dar. Então, pegou na espada, levantou-a e deu um golpe na sua capa. Cortou-a ao meio e deu metade ao pobre. 

Nesse momento, de repente, as nuvens e o mau tempo desapareceram. Parecia que era Verão! 
Foi como uma recompensa de Deus a Martinho por ele ter sido bom. 

É por isso que todos os anos, nesta altura do ano, mesmo sendo Outono, durante cerca de três dias o tempo fica melhor e mais quente: é o Verão de São Martinho. 


Este ano o Verão de São Martinho, veio enganado umas semanas mais cedo... parece-me que o São Pedro com a idade, já está a baralhar um pouco as datas. ;)

segunda-feira, 10 de novembro de 2014

Experimentar produtos sem pagar :)

E que tal experimentar novos produtos sem pagar nada? 

É verdade, é uma excelente oportunidade de testar e dar a nossa opinião sobre os mesmos. Esta oportunidade é dada pela Youzz, uma comunidade de pessoas que gostam de partilhar a sua opinião honesta sobre marcas.
Quem é seguidor do blog, já reparou através de outros post, que por diversas vezes já participei em algumas campanhas.
Neste momento estou a participar no estudo do Aveeno® DERMEXA. 
Eu e 1000 youzzers, recebemos 1 embalagem de gel de banho e 1 de creme suavizante e 15 kits, sobre pele atópica, para distribuír .
Quem estiver interessado pode inscrever-se aqui, não percam esta oportunidade. :)


Anda por aí alguém que também seja Youzzer?

Vencedor do passatempo Tescoma

Chegou ontem ao fim o passatempo, onde poderiam ganhar um rolo da massa texturado Tescoma.
Após realizado o sorteio através do Random e confirmar se todos os requisitos foram cumpridos, a vencedora do passatempo é a... Sílvia Ávila.


Muits parabéns à Sílvia, agora só tem de entrar em contacto com o blog através de mensagem privada do facebook com os seu dados, para que a Tescoma possa enviar o prémio.
Não esquecer que a vencedora tem apenas 48h para o fazer, caso contrário iremos sortear um novo vencedor.

Fiquem atentos às novidades, porque em breve vamos ter um novo passatempo. ;)

terça-feira, 28 de outubro de 2014

Sal&Vida - Um sal saudável e natural

Todos nós sabemos que, a vida sem sal não tem sabor, mas também sabemos que o excesso do mesmo está directamente ligado a diversos problemas de saúde e por esse motivo devemos ter bastante cuidado com a sua utilização. 

Já há algum tempo que tenho tentado adquirir alguns hábitos mais saudáveis e com essa opção, novos produtos começaram a entrar cá em casa, entre eles o sal natural, Sal & Vida.

Para quem não conheçe é um sal natural, proveniente das salinas da Ilha de Formentera, mas que apresenta 5x menos sódio que o sal tradicional e por esse motivo é muito mais saudável para o nosso organismo. Mas não pensem que como tem menos sódio que o sal a que estamos habituados, que o resultado não é o mesmo, porque a verdade é que nem notamos a diferença do sabor. 

Com este produto acabou-se a comida salgada para uns e insossa para outros, porque cada um borrifa no seu prato a quantidade que quer e assim todos comem a comida ao seu gosto.

O Sal&Vida pode ser utilizado por todas as pessoas e pode ser encontrado em farmácias, parafarmácias, lojas gourmet e lojas de produtos naturais. 

Se quiserem saber mais sobre este produto podem ver a sua página aqui e consultar os locais de venda mais próximos de vocês aqui.


Já conheciam este sal? Qual é a vossa opinião sobre ele?

quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Vamos ensinar as crianças a estarem protegidas dos pedófilos.

Hoje em dia infelizmente, somos "bombardeados" diariamente de casos de pedófilia. De crianças que foram ou são vítimas de violência ou abuso sexual, muitas das vezes até realizados por familiares ou alguém próximo da família.
Deixo-vos aqui um site, de onde para além de ter diversa informação sobre o assunto, podem também descarregar um livro que tem como objectivo ensinar às crianças a regra "Aqui Ninguém Toca", ou seja, ensinar quais as partes do corpo que não devem ser tocadas por outras pessoas.




Vejam, ensinem os vossos filhos e partilhem a mensagem. Vamos tentar chegar ao maior número de pessoas, para que mais crianças possam aprender a estar protegidas.

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Renee Zellweger... A mulher do momento :)

E se de repente adormecesses e acordasses com outra cara?
Pois é, não é nada provável, mas parece que é o que acontece há alguns anos com a atriz Renee Zellweger.
Mais conhecida pelos seus papeis na saga dos filmes de Bridget Jones, Rene Zellweger, de 45 anos,  tem sido falada ano após ano, das mudanças que a sua cara foi sofrendo, mas que segundo a mesma, nunca recorreu a tratamentos estéticos... pois... de tal forma que o ano passado na noite de entrega dos Óscares, foi alvo de piadas e comentários, por ter a cara praticamente paralizada de tanta mudança. 
Este ano parece que o motivo do falatório, é exactamente o contrário, a atriz apareceu num evento, com rugas bastantes pronunciadas e com a pele nada esticadinha, como de costume. 

Podem ver aqui, um pouco das diferenças apresentadas pela atriz ao longo dos anos.



O que vos parece, acordou assim? ;)

Passatempo Tescoma

Quem é que gosta de utensílios de qualidade, para facilitar o dia a dia na cozinha?
Claro que toda a gente gosta e por esse motivo a Tescoma, está presente na nossa vida. Se ainda não conheces os seus produtos, dá já uma espreitadela na loja on-line e verás a quantidade e diversidade de utensílios que te podem ajudar.

Como o 100 Ideias Para Fazer e a Tescomaquerem a vossa vida facilitada e as vossas tartes e folhados, com um aspecto fantástico, temos para oferecer um rolo da massa texturado Delícia. 
Este rolo serve para, fazer as linhas cruzadas na massa, mas sem praticamente nenhum trabalho... ou seja, acabaram-se as dores de cabeça, a fazer entrançados para este tipo de decoração. :)



Mas o que tens que fazer para ganhares este rolo maravilha?
Fácil:

- Fazer like na página do Face do 100 Ideias Para Fazer;
- Fazer like na página da Tescoma;
- Ser seguidor do blog 100 Ideias para Fazer;
- Partilhar o post do passatempo em modo público;
- Preencher o questionário abaixo.

Este passatempo termina no dia 9 de Novembro, pelas 23h59m, sendo o vencedor sorteado aleatoriamente pelo sistema random. 
O sortudo será conhecido no dia 10 e terá 48h, para enviar através de mensagem no facebook do 100 Ideias Para Fazer, os seus dados.
Este passatempo só é válido para Portugal e é enviado directamente pela marca.
Boa Sorte! :)

sexta-feira, 3 de outubro de 2014

Protecção Solar Diária - Protector Boots

Já estamos no Outono, embora pareça que o Verão veio fora de época. O Sol continua a brilhar e nessas alturas, sabemos que devemos usar protector. 
O que nos costumamos esquecer é que mesmo quando não vemos o Sol, ele está lá sempre a libertar os invisíveis, raios UV, que tanto nos prejudicam.
Estes raios dividem-se principalmente em, UVA, que são os que existem em maior quantidade, penetram na pele em grande profundidade, até à derme e são os principais responsáveis pelo envelhecimento da pele. Os UVB, estão em minoria, penetram menos na pele e são responsáveis pelo bronzeado e queimaduras solares. Ambos são responsáveis por alergias, manchas e cancros da pele. 

Para protegermos a nossa pele, desta agressão diária de raios UV, devemos todos os dias, utilizar protector solar. Essa protecção não deverá ser apenas feita na cara, mas sim em todas as zonas que sofrem exposição solar, como por exemplo, mãos, braços, etc.

Neste momento estou a utilizar um protector da gama Solei, da marca Boots Laboratories, uma marca excelente que apenas é vendida em farmácias. Podem ficar a conhecer mais sobre a marca, e os seus produtos aqui.

Este protector apresenta uma textura fluída, fácil de espalhar e não é gorduroso. Além disso é hipoalergénico, resistente à água e adequado a peles sensíveis.
Mas como nem todos os gostos e necessidades são iguais, esta gama existe em vários formatos, índices de protecção, diferentes zonas do corpo e também em cuidados pós-solares. Podem conhecer a gama completa aqui.



Deixo-vos ainda este vídeo, que muitos de vocês já devem ter visto a circular pelas redes sociais, mas se não viram não deixem de o fazer. 



E vocês costumam usar sempre protector solar?

quinta-feira, 25 de setembro de 2014

Queres lavar o carro grátis no Elefante Azul?


Hoje deixas de ter desculpas para, andares com o carro sujo!


A Hypromat, empresa detentora da marca Elefante Azul, lança uma nova campanha dedicada aos seus clientes: lavagens gratuitas durante um dia inteiro.

No dia 25 de Setembro, quinta-feira, das 9h às 19h, todos os clientes que se dirijam aos centros aderentes podem efectuar a lavagem do seu veículo, até um máximo de 3 euros por cliente.

Os centros aderentes estão correctamente identificados e irão disponibilizar um atendimento ainda mais personalizado aos clientes para que possam usufruir da campanha de forma eficaz. Além disso, esta campanha será acompanhada por spots radiofónicos na RFM, RR, TSF, Rádio Comercial e Mega HITS FM.

“Os nossos clientes são fundamentais ao nosso sucesso.”, revela Carlos Belmar, Director Geral do Elefante Azul para a Península Ibérica. “Por isso mesmo, é para nós apenas natural que pelo menos uma vez ao ano possamos retribuir o apoio e a fidelização que têm para com a nossa marca e os nossos franchisados”

Assim, já sabe “Onde vai estar na próxima 5ªfeira?”, num centro Elefante Azul perto de si.

Podem consultar aqui todos os centros aderentes... e boas lavagens!

sábado, 20 de setembro de 2014

A música do Blog

Hoje partilho com vocês uma música que gosto muito, mas que por cá não é muito, (ou nada), conhecida.

Esta música faz parte de um músical da Broadway chamado "Wicked: The Untold Story of the Witches of Oz", que é uma história paralela ao "Feiticeiro de Oz", contada na perspectiva das bruxas da Terra de Oz, a sua história começa antes e continua após a chegada de Dorothy a Oz, vinda do Kansas e inclui diversas referências ao filme de 1939 e ao livro de L. Frank Baum.
Este músical estreou em 2003 e ainda hoje se encontra em palco, tendo ao longo dos anos arrecadado diversos prémios e recordes de bilheteira.



Deixo-vos aqui uma versão que não é a do músical, mas eu gosto muito mais. É cantada por 3 pessoas diferentes, que fazem parte da série Glee e os seus nomes são Lea Michele, Cris Colfer e Amber Riley.
Ouçam e depois digam-me o que acham.


quarta-feira, 17 de setembro de 2014

Cuidados a ter com os ovos

O ovo é um alimento rico em proteína, vitaminas, minerais e é bastante utilizado na nossa cozinha, mas na sua utilização todos os cuidados são poucos, uma vez que se não forem tidos os cuidados essenciais, podemos contraír algumas doenças atrvés deles.
Por esse motivo nunca é demais relembrar quais os cuidados que devemos ter ao utilizar ovos.

Cuidados a ter com os ovos: 

  • Ao comprar ovos devemos verificar a data de validade e abrir a caixa. Caso tenha algum ovo partido ou rachado não devemos trazer essa caixa. 
  • Não devemos colocar a caixa de cartão com os ovos dentro do frigorífico. O cartão é um material que absorve facilmente sujidades ou outro tipo de contaminações, ou seja, pode contaminar  o nosso frigorífico. Não esquecer é de retirar a data de validade dos ovos e colocá-la junto dos mesmos;
  • Devemos retirar do frigorífico, apenas os ovos que vamos utilizar, isto porque os ovos que tenham permanecido num ambiente quente e que não tenham sido utilizados, não devem regressar a um ambiente frio. 
  • Nunca devemos colocar os ovos perto do calor do fogão;
  • Os ovos para cozer devem ser lavados, antes de os colocarmos dentro da água onde os vamos cozer.
  • Os ovos devem ser partidos um a um, num recipiente à parte, antes de serem adicionados aos restantes. Assim se, um um ovo estiver estragado não contamina os outros;
  • Um ovo fresco quando aberto, quase não tem odor. A clara, límpida e translúcida, é gelatinosa, e a gema, saliente. Caso a clara esteja fluida e a gema achatada, é muito provável que o ovo seja velho. À medida que um ovo perde a frescura, a gema torna-se móvel. Abanando vigorosamente o ovo, se for velho, ouve-se um ruído característico;
  • As cascas dos ovos devem ser colocadas imediatamente no lixo;
  • Devemos lavar muito bem as mãos antes e após a utilização dos ovos e seca-las em papel do rolo de cozinha;
  • A utilização dos utensílios de cozinha ou equipamentos que entrarem em contacto com os ovos devem ser muito bem lavados.

Truques para verificar se ovos são frescos:

- Colocar o ovo dentro de um recipiente com água salgada e observar:
  1. Se o ovo estiver fresco fica no fundo.
  2. Ovo com cerca de uma semana fica a meio, em posição vertical;
  3. Um ovo velho vem à superfície. Não se deve utilizar esse ovo.
- Abanar o ovo e ouvir:
  1. Se o ovo estiver fresco, não se ouve qualquer som, porque a câmara de ar é pequena;
  2. Se o ovo for velho, a câmara de ar aumenta e fica mais espaço livre, deste modo ouve-se um barulho ao sacudir.

E vocês costumam ter estes cuidados, quando utilizam ovos?

segunda-feira, 15 de setembro de 2014

Ideias doces com Dulcis!

Recebi da Dulcis, um folheto com todos os seus produtos e um livro cheio de boas ideias para os utilizar. Posso dizer-vos que no meio de tantas receitas com óptimo aspecto, o difícil é mesmo escolher. 

Para quem não conhece a marca Dulcis, aqui fica a sua página para que possam ter conhecimento de todos os seus produtos, que vão desde cremes, massas, pastas, brilhos, polpas... uma variedade de produtos que podem facilitar na confecção de algumas receitas e ainda por cima sem gordura, sem açúcar, mas com o mesmo sabor.

Podem consultar aqui, os locais onde se encontram disponíveis os produtos Dulcis, para poderem usufruír de uma fantástica experiência Dulcis.




Já conheciam a Dulcis? Qual o vosso produto preferido?

sexta-feira, 5 de setembro de 2014

Compotas & Chutneys

Recebi uns produtos 100% portugueses, de produção artesanal, sem corantes nem conservantes e com uma excelente qualidade. :)
Estes produtos foram-me enviados pela Compotas & Chutneys. Esta empresa sediada em Extremoz e idealizada pela simpática Maria João Cortes, faz chegar até nós produtos diferentes do que estamos habituados, mas que valem a pena experimentar.

Para que possam ter uma ideia da variedade, deixo-vos aqui uma lista dos produtos que podem adquirir na Compotas & Chutneys:

- Compota de Cebola;
- Chutney de Cogumelos;
- Chutney de Cenoura com Noz;
- Chutney Verde;
- Chutney de Tomate Seco;
- Alho Dourado;
- Geleia de PiriPiri;
- Açorda Rápida de Coentros;
- Açorda Rápida de Poejos;
- Doce Figo e Limão;
- Doce Tomate;
- Duce Uvas em Vinho.

Eu recebi o chutney de cogumelos, que pode acompanhar com massas, queijo brie e fresco, salmão fumado, ovos mexidos ou pão torrado simples e o chutney verde, que acompanha com marisco, tempera saladas verdes, azeitonas, serve com carnes frias e peixe, massas ou pão torrado.


Podem saber mais e encomendar os produtos, na página Compotas & Chutneys.



Já conheciam a Compotas & Chutneys?

terça-feira, 2 de setembro de 2014

Gostas de nozes? Então isto é para ti! :)

Hoje lembrei-me de fazer uma Tarte de Noz
É uma receita muito simples, mas diferente, que conjuga o doce com um ligeiro salgado da massa, uma vez que é feita com queijo creme. É este pormenor que faz toda a diferença e que não a torna enjoativa. 
Então cá vai a receita...

Ingredientes:

Massa:
1 embalagem de queijo creme (tipo Philadelphia);
1/2 copo de farinha;
100 g de manteiga amolecida.

Recheio:
1 copo de nozes partidas em pedaços pequenos;
1 copo de açúcar escuro;
2 ovos;
1 colher de café de essência de baunilha.


Preparação:

Para fazer a massa, misturam-se todos os ingredientes muito bem até formarem uma massa consistente. Com a massa, forra-se uma tarteira e leva-se um pouco ao frigorífico, para endurecer um pouco.

Para fazer o recheio, começam-se por misturar os ovos, o açúcar e a baunilha e só depois se juntam as nozes.

Deita-se o recheio em cima da massa, e leva-se ao forno a 200ºC, até que se veja q a massa está dourada – Atenção que o recheio fica dourado muito depressa, mas isso não significa que a massa esteja cozida.


Conheciam esta tarte?
Experimentem e depois digam se gostaram. :)